ATENÇÃO! Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre o uso de cookies.
Dados do Livro
Antonio Jose Saraiva E Luisa Dacosta Correspondencia
Desconto
12.90 €
10.32 €
Titulo:

ANTONIO JOSE SARAIVA E LUISA DACOSTA CORRESPONDENCIA

Editora:
Coleção:
ISBN:
Tema:

«Neste momento, trato do P.e António Vieira e da escravatura. Como sabe, o Vieira defendia a liberdade dos Índios, mas propunha a escravização dos Negros do outro lado do Atlântico. Porquê? Porque os Jesuítas se propunham constituir um grande império na América do Sul e, para isso, precisavam de dominar os Índios, ­ ao passo que não tinham projectos relativamente à África.»

«Mas tenho um problema grave de dispersão. Acabo por não fazer nada com profundidade. Realismo, Marxismo, Jesuítas, Inquisição, Escravatura, Alienação – como é que tudo isto pode caber num saco? Sou, ao mesmo tempo, um jornalista, um ensaísta e um amador de investigação, e, ainda por cima, gosto de viver à flor da pele, tomar banhos de sol e nadar (ou fingir). E, para complicar mais as coisas, gosto de dormir 8 ou 9 horas por dia. »

«Na sua origem, o neo-realismo correspondia a um movimento forte de pensar. Era um coração que batia ao ritmo do mundo. Era um vento sadio que varria miasmas. Era a consciência adequada de uma mesma situação. Receio, todavia, que, hoje, se tenha tornado uma capelinha, destinada a justificar a mediocridade de umas tantas pessoas, a manter carreiras e posições.»

«A minha experiência parisiense convenceu-me da inutilidade absoluta da chamada acção política da “oposição”. As pessoas que nela militam passam a vida a convencer-se de que fazem alguma coisa e têm alguma importância. São viciados, drogados. Entretêm-se, e não fazem coisíssima nenhuma. Isto é verdade tanto para o PC, como para os velhos republicanos.»

Responsive image

As promoções indicadas são exclusivas para o site e válidas para o dia 13 de agosto de 2020 salvo indicação contrária
© 2020 LIVAPOLO.